Eu e tu, tu e eu…

Estou a sentir-me confusa, dividida, insegura, angustiada, ansiosa, é uma grande mistura de sentimentos.
Quando te fui conhecer, não havia expectativas, mas depois da primeira saída tive medo, muito medo mesmo. Todas as minhas habituais barreiras, todos os alarmes, todos os alertas e sininhos dispararam. Nada que uma boa e sincera conversa não tenham resolvido, e depois disso as coisas mudaram e algumas dessas paranóias da loira desapareceram. A convivência, as conversas, as brincadeiras e os percalços fizeram com que me fosse envolvendo e as barreiras e os medos foram se dissipando um a um. Mas quando pensei que as coisas iam melhorar, que nos íamos conhecer melhor, de forma descontraída, o destino prega uma partida e leva-te para bem longe. E é aqui que o turbilhão de sentimentos começa a surgir.
Fiquei triste por te ver partir, mas ao mesmo tempo feliz por saber que era algo que querias muito. Foi uma luta interior grande, para não desabar na tua frente e dar-te força. Sexta-feira foi um dia muito complicado.
Agora, que já se passaram uns dias da tua partida, para além da distância veio também o silêncio e a ausência. Eu sinto imensas saudades tuas, sinto falta das nossas conversas, das brincadeiras e até mesmo do mau feitio.
Sinto-me angustiada e insegura, por não saber o que se passa contigo e na tua mente. Se sentes a minha falta, assim como eu sinto a tua.
Se te estás a afastar com a intenção de me proteger, de te proteger a ti ou só porque sim.
Se estás realmente bem?
Será que a distância vai ditar o fim desta história?
Irá o afastamento acabar com o sentimento que estava a começar a crescer entre nós?
Devo dar-te mais espaço ou estar mais presente?
Estas são algumas perguntas que passeiam pela minha mente.
Sim, isto acontece porque gosto de ti, porque me sinto bem na tua companhia, porque me sinto segura ao teu lado.
Claro que a proximidade e a convivência ajudam qualquer tipo de relacionamento, mas será que a distância também não é benéfica?!
Como é que fazemos?! Será que perdemos tudo?!

Nota